terça-feira, 9 de setembro de 2014

Eu realmente vejo somente o que quero ver?

Quem estuda a lei da atração já deve ter ouvido falar que temos um campo de infinitas possibilidades e que, materializamos aquilo que mais pensamos a respeito. Alguns podem me dizer: O que quero é saúde mas não é o que tenho. Ou o que quero é abundância, mas o que tenho é escassez. E eu digo que tanto uma como outra, são facetas de um mesmo assunto e, escolhemos nos conectar a um ou outro aspecto.

 Explico melhor!
 Através das crenças e dos pensamentos, podemos materializar qualquer coisa boa ou nem tanto. O modelo mais comum no mundo é a conexão com o aspecto negativo das coisas, com a intenção de proteção.É a nossa parte que quer segurança.  Este, vamos dizer é o senso comum.

 Ledo engano! 
Como o pensamento é  uma onda de energia ele afeta tudo no universo. Ao temer e direcionar a atenção ao que não  queremos,  fazemos um pedido. A atração é uma lei da natureza e como tal funciona por princípios. Ainda tem um outro aspecto muito importante, recebemos muito mais informações do que podemos dar conta então temos que filtrar, e adivinhe, o filtro disso,  será de acordo com o que mais pensamos. Não é a toa que, muitas vezes, deixamos passar grandes oportunidades. Simplesmente não estamos com o filtro para elas. Nosso filtro está ligado em nos proteger e não em aproveitar. Este é o piloto automático.

  Assim como fomos capazes de canalizar a energia elétrica e termos ela disponível com facilidade em nossas casas, também podemos aprender a canalizar a energia necessária para a  materialização do que queremos. Veja só o exemplo da energia elétrica, se mal utilizada também oferece riscos, mas não me parece arriscado utilizá-la quando resolvo aquecer algo no meu forno de microondas ou utilizar o meu liquidificador ou acender uma lâmpada. 

E não é porque aprendemos a utilizar de forma segura que me questiono se merecemos ou não a energia elétrica. Vamos lá, utilizamos e pronto. Com a lei da atração também funciona assim.  É só nos conectarmos ao que queremos de forma clara que é isso que vamos obter. Veja  bem, é só nos  ligarmos   ao que queremos ver e não no que estamos vendo, com a gratidão,como que já fosse real  e traremos isso para o mundo físico. 

A questão é que olhamos o mundo físico, esperando pelo pior e então ele aparece. Que tal olhar as coisas de uma maneira mais grata olhando mais para o potencial do que para o que falta e construir uma vida melhor para si próprio e para  os demais. O mundo precisa de mais gente feliz e realizada, então faça a sua parte e procure escolher  com consciência as suas materializações! A vida é boa e pode ser melhor!

Por: Patricia Forte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...