quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Modificar-me




"É verdade, meu amigo, 
que cada dia compreendo melhor quão insensato é vivermos a julgar os outros por nós mesmos. 
De minha parte, tenho tanto que fazer para modificar-me, tanto esforço a despender para acalmar as tempestades do meu coração!… Ah! 
eu deixarei de bom grado que os outros façam o que bem entendam, 
contanto que eles me deixem fazer o mesmo."
Goethe



quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

VAMPIROS: Eles existem sim!



Eu não acredito em gnomos ou duendes, mas vampiros existem. Fique ligado, eles podem estar numa sala de bate-papo virtual, no balcão de um bar, no estacionamento de um shopping. 

Vampiros e vampiras aproximam-se com uma conversa fiada, pedem seu telefone, ligam no outro dia, convidam para um cinema. Quando você menos espera, está entregando a eles seu rico pescocinho e mais. 

Este "mais" você vai acabar descobrindo o que é com o tempo. Vampiros tratam você muito bem, têm muita cultura, presença de espírito e conhecimento da vida.  

Você fica certo que conheceu uma pessoa especial. Custa a se dar conta de que eles são vampiros, parecem gente. Até que começam a sugar você. 

Sugam todinho o seu amor, sugam sua confiança, sugam sua tolerância, sugam sua fé, sugam seu tempo, sugam suas ilusões. Vampiros deixam você murchinha, chupam até a última gota. Um belo dia você descobre que nunca recebeu nada em troca, que amou pelos dois, que foi sempre um ombro amigo, que sempre esteve à disposição, e sofreu tão solitariamente que hoje se encontra aí, mais carniça do que carne. 

Esta é uma historinha de terror que se repete ano após ano, por séculos. Relações vampirescas: o morcegão surge com uma carinha de fome e cansaço, como se não tivesse dormido a noite toda, e você se oferece para uma conversa, um abraço, uma força. Aí ele se revitaliza e bate as asinhas. Acontece em São Paulo, Manaus, Recife, Florianópolis, em todo lugar, não só na Transilvânia. E ocorre também entre amigos, entre colegas de trabalho, entre familiares, não só nas relações de amor. 



Doe sangue para hospitais. Dê seu sangue por um projeto de vida, por um sonho. Mas não doe para aqueles que sempre, sempre, sempre vão lhe pedir mais e lhe retribuir jamais.

Martha Medeiros


Felicidade é um estado de consciência.




Não dependa dos outros para você ser feliz.
Pois felicidade é um estado de consciência.
E ser feliz é responsabilidade de todo ser.
Porque a vida é uma bênção!
Logo, jamais deixe que as atitudes alheias roubem sua luz.
A Vida é maior que você – e do que eu também.
Na verdade, a Vida é maior do que tudo.
E você está vivo. E todos também estão, na Terra, e além...
Então, seja feliz, só por você existir.
Para compartilhar sua luz com os outros, que também existem.
Porém, sem depender de ninguém.
Encarnados e desencarnados, todos nós existimos.
E, se somos felizes, ou não, isso só depende de nós mesmos.
Já temos o suficiente: nós existimos.
Então, que tal sermos felizes, só por isso?
A existência é a mesma, seja na Terra ou no Astral.
Aqui, ou Lá, a verdade é uma só: felicidade é um estado de consciência.
E quem reconhece isso, é feliz, sim, só por existir.

Paz e Luz em seu coração!


Wagner Borges

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Receita - Nietzshe





'Estar bem e feliz é uma questão de escolha e não de sorte ou mero acaso.
É estar perto das pessoas que amamos, que nos fazem bem e que nos querem bem.
É saber evitar tudo aquilo que nos incomoda ou faz mal,
não hesitando em usar o bom senso,
a maturidade obtida com experiências passadas ou mesmo nossa sensibilidade para isso.
É distanciar-se de falsidade, inveja e mentiras.
Evitar sentimentos corrosivos como o rancor, a raiva e as mágoas,
que nos tiram noites de sono e em nada afetam as pessoas responsáveis por causá-los.
É valorizar as palavras verdadeiras e os sentimentos sinceros que a nós são destinados.
E saber ignorar, de forma mais fina e elegante possível,
aqueles que dizem as coisas da boca para fora ou cujas palavras e caráter
nunca valeram um milésimo do tempo que você perdeu ao escutá-las.''


Nietzshe










segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

O que acontece quando seu Chakra Coroa é bloqueado?


O que é o Chakra  Coroa?

O chacra coronário (Sahasrara) está localizado no topo da cabeça. O sétimo chakra é o chakra último na linha de centros de energia que percorrem o centro do seu corpo. Esta fonte de alta vibração de energia impulsiona a nossa consciência de uma presença divina, nos conecta com um poder superior e confirma a nossa conexão com o mundo físico, os reinos espirituais, o passado e o futuro. Este chakra liga-o ao aspecto não-físico da nossa existência e ajuda você a fazer o sentido da vida neste plano físico.

O chakra  coroa é o centro da espiritualidade e da fé, não importa o que você respeitar a prática religiosa (caso exista), onde você vive, como você foi criado ou o que você escolhe acreditar. Práticas religiosas e espirituais de lado, um chacra coronário aberto dá inspiração, conforto, boa saúde e um senso de lugar e poder. Uma pessoa com um chacra coronário aberto é um líder forte e inspiradora, uma visionária criativa e humanitária.

O chakra  coroa é associado com a cor roxa. Esta cor tem sido associado com a realeza, majestade e riqueza espiritual. A palavra em sânscrito para o chakra  coroa é Sahasrara, que se traduz em dizer 'mil'. Este número tem um significado especial em práticas espirituais orientais e escritos, como ele refere-se aos milhares de pétalas da flor de lótus sagrado, um símbolo da iluminação divina. Pétalas de lótus abrir um por um, aos poucos revelando a beleza da flor. Isso se reflete no crescimento pessoal e espiritual de um indivíduo - uma abertura gradual da alma e da mente para o verdadeiro esclarecimento e auto-consciência. Como o chakra  coroa permite a abertura de sua flor de lótus individual, ele o prende à "tudo o que é" - e abre-lhe as fontes anteriormente inexploradas de conhecimento, sabedoria e poder pessoal.

Se você buscar a  uma conexão com a consciência, abrindo o seu chacra coronário lhe dará conforto e visão sobre estas idéias espirituais: se você perguntar, você recebe, se você procurar, você acha, e se você fizer uma pergunta, uma resposta irá aparecer.

Este chakra está associado com a glândula pineal pequena no centro do cérebro. Esta acredita-se ser a "sede da alma" no corpo, embora pouco se sabe sobre a glândula, isto é entendido como sendo o centro de produção de serotonina - a hormona sentir-se bem final!



Um bloqueio no chakra coronário pode resultar em sentimentos de isolamento, solidão e frustração sem esperança.


Quando deixamos de cultivar o nosso lado espiritual, ou nos desligamos do pensamento auto-conhecimento e espiritual e exploração, o nosso sétimo chakra pode tornar-se bloqueado ou fechado. Esta é logo seguido por crises existenciais e espirituais, manifestando-se como sentimentos de solidão, isolamento, desesperança, desânimo.

Falta de conexão espiritual pode levar a atos de egoísmo e falta de cuidado devido a sentimentos de isolamento e existência sem sentido. As pessoas se tornam frustrados e amarga e se sentem abandonados e desconectado. Chakra da coroa bloqueado podem levar as pessoas a redirecionar sua amargura e frustração para com os outros, mas mais comumente ele é redirecionado direto para si, o que resulta em um círculo vicioso de transtornos mentais, como depressão e confusão, problemas com o cérebro como a epilepsia, a doença de Alzheimer, esclerose múltipla , demência, doença de Parkinson e de acidentes vasculares cerebrais, e mesmo transtornos mentais graves tais como a esquizofrenia.


Curando o Chakra  Coroa


Todos nós temos um caminho espiritual a seguir, mas é importante para honrar o seu próprio caminho e não seguir cegamente o que alguém pode ditar é "certo" para você. Não existem dois caminhos espirituais igualmente, mesmo para as pessoas que compartilham a mesma fé. 



A meditação é uma maneira maravilhosa de abrir o chakra  coroa. Você pode chamar isso de oração, meditação, contemplação, conversa ou o silêncio interior.
As práticas são essencialmente o mesmo - um tranquilização da mente para que você possa ouvir,  sentir a "voz" de algo maior que você mesmo.

Não é incomum para um indivíduo de experimentar uma forte necessidade de crescimento espiritual quando eles passaram por um período extremamente difícil - e quando gratidão supera os problemas, a sua visão da vida vai mudar para melhor!

Este é o chakra que não beneficia de alimentos específicos, uma vez que representa uma conexão com o não-físico. Ar fresco e luz do sol, no entanto, são altamente benéficos - meditação ao ar livre pode ser a melhor maneira de estimular a glândula pineal e abrir o chakra  coroa.

Uma vez que você reconheceu uma conexão divina através do chacra coronário, você pode parar de se preocupar com seus problemas. Aqueles que têm  o sétimo chakra aberto  não se sentem como se tivessem de suportar os seus encargos mundanos sozinho - eles acreditam que alguém está cuidando deles por toda a vida - ou que, como parte da consciência universal, cada indivíduo tem o poder mesmo que consciência e é, portanto, muito mais poderoso do que se o indivíduo não fazia parte de alguma coisa. Mesmo se você não consegue ainda trazer-te para ter esta fé, a busca por respostas espirituais e iluminação é uma viagem gratificante e fortalecedor. Ele abre as portas para o imenso espaço do universo, sua vida interior e nossa parte individual. 

Fonte = Chakra Healing 

Veja também:








Como lidar com com a rejeição



Sentir-se rejeitado pelos outros é um sentimento que poucos conseguem superar facilmente, pois depende de uma elevada confiança em si mesmo, o que nem sempre temos.
Quanto mais rebaixada nossa autoestima, quanto menos gostamos de nós mesmos,
mais vulneráveis somos à rejeição.
Quando uma pessoa com baixa autoestima perde uma pessoa que ama ou uma colocação profissional, passa a acreditar que não merece nada, que é indigna de ter o que deseja,
sentindo-se completamente só e, principalmente, abandonada.

Mesmo as pessoas com elevada autoestima, ou seja, conscientes de seu valor, tendem a sentir os mesmos sentimentos quando há uma perda, pois neste momento perdem também o controle da situação que até então acreditavam ter e isso tende a abalar todas as emoções.

Lidar com a rejeição não é nada fácil, pois geralmente nos remete inconscientemente
às situações de abandono durante a infância.
Se alguém nos rejeita, de alguma forma não nos aceita, e se tentarmos mudar
em função disso para agradar, tudo tende a piorar.
Mas, na maioria dos casos, o outro dificilmente é a causa real do sentimento de rejeição, pois a sensação de sentir-se abandonado já existe internamente na pessoa.
A dificuldade está em lidar com estes sentimentos anteriores somados aos atuais.

O principal antídoto ao sentimento de rejeição é não limitar todas as esperanças da vida a um relacionamento, ou seja, dedicar-se apenas ao marido, filho, a esposa, a mãe, ou a um emprego, não tendo mais nenhum outro objetivo, esquecendo-se de outras pessoas
ou fatos importantes e principalmente de si mesmo.
Mas não há nada pior do que acreditar cegamente e... ser abandonado.
Se você admitir que pode um dia ficar só e ainda assim sobreviverá,
correrá menos riscos de se sentir rejeitado.
E também terá maior liberdade para mudar sua vida sem sentimentos de culpa.

Não devemos nunca perder nosso referencial interno, nem reduzir nossas esperanças ou colocar nossa expectativa de vida sob a direção de algo que não controlamos:
o sentimento e a reação do outro.
Por vezes, podemos ser preteridos e não é por isso que a vida deixará de existir ou
que as coisas que desejamos deixaram de ser realizáveis, muito pelo contrário, pode ser a chance
que temos de ter a possibilidade para irmos em busca daquilo que realmente queremos.
Não podemos nunca depender da atitude de outra pessoa para termos certeza de nosso real valor.

É preciso que estejamos sempre conscientes de que as atitudes de outras pessoas nem sempre estão relacionadas à nossa pessoa, e, portanto, não são respostas a nós.

Precisamos entender que os outros são seres humanos como nós e que às vezes podem nos dar um não ou uma resposta agressiva muito mais em função dos próprios conflitos internos e que nada têm a ver com sua pessoa.

Mas como muitas vezes não consideramos a realidade interna do outro, imaginamos que estamos sendo rejeitados, mas muitas vezes a rejeição faz mais parte do nosso mundo interior do que da realidade. 

Por isso, é importante saber diferenciar a reação dos outros em cada momento.  
Procure entender as razões do outro, pois muitas vezes o problema para agir assim pode ser mais dele do que seu. 

Seja como for, de nada adianta dramatizar a situação e colocar-se no papel de vítima. 
 O drama e o sentimento de culpa só irão aumentar a sua dor. Encare a dificuldade do momento de frente e procure aprender com tudo isso.  

 No mínimo, você conquistará maior autoconfiança e isso lhe será útil pelo menos na próxima vez.
Muitas vezes, o sentimento de rejeição é acentuado pela insistência em supervalorizarmos
a opinião e aprovação dos outros de nosso modo de ser, pensar e agir.
Damos aos outros o poder de juiz e permitimos que comandem nossa forma de viver.
A excessiva importância dada à opinião e aos valores dos outros, por mais que estes queiram apenas o nosso bem, retrata uma irresponsabilidade quase infantil e inconsciente de
acreditar que são eles que devem assumir e suprir nossas necessidades.

Cabe a cada um de nós satisfazer as próprias carências e não a quem está ao nosso lado. Acreditamos que ninguém deve nos dizer não, para que não nos sintamos rejeitados e abandonados, mas, na verdade, a principal rejeição não vem dos outros,
mas está dentro de nós mesmos e resulta na falta de amor próprio.

Pare de se criticar, mude o que acha que tem de mudar em si e torne-se mais
independente da aprovação de outras pessoas.
Aceite-se.
Torne-se responsável pelo que você é e deixe que o outro seja responsável pelo o que ele é.
Faça sua vida ser conduzida sob sua responsabilidade e seus valores, e não sob os do outro.

Pense que você tem a responsabilidade de se amar, se aceitar, aprovar e valorizar.
Se atribuir essa responsabilidade ao outro, cada vez que ele negar, surgirá a rejeição, um sentimento que só você poderá se isentar de senti-lo.
E lembre-se:
Nenhuma pessoa merece tuas lágrimas e quem as merece não te fará chorar.

Rosemeire Zago





sábado, 26 de janeiro de 2013

Consciência do coração e do corpo:

Transformar o corpo físico para frequências mais altas da Matéria
Consciência do coração  une a alma com o corpo em pura harmonia através do espírito. Através de um coração centrado consciência, nosso eterno e infinito ser  pode se expressar dentro do corpo físico na Terra. É a plenitude do amor e da criatividade sem entraves pela dualidade densidade da vida encarnada.

Nosso despertar, transforma e evolui para a consciência superior do verdadeiro eu na unidade Divina pelas escolhas intencionais da alma através do coração e da mente. Enquanto o interior da consciência de dimensões além do físico é o iniciador e catalisador para toda a mudança na consciência humana, há mudanças muito reais para o corpo físico. O corpo recebe uma atualização harmônica de seu veículo. Todos os sistemas do corpo deve ser capaz de repassar a informação e consciência da alma multidimensional e além dimensional ao expressar através do corpo encarnado. Esta é a importância de compreender o campo de energia humano, chakras , coração, cérebro, sistema nervoso e sistema endócrino. Aprendemos a importância do sistema nervoso do coração e de campo eletromagnético, e todos os sistemas do cérebro na mediação da consciência da alma no corpo. Enquanto o corpo é o veículo para expressar a alma não-local e infinito, forma uma unidade com a alma e o espírito encarnado durante a expressão da evolução da alma de seu ser cósmico eterno e divino. Portanto, mesmo que a alma transcende a sua organização física como corpo, seu ser é um com o corpo para a experiência na Terra e outros interdimensões da encarnação .

A consciência baseada no medo do conflito, controle e separação tenha esbatido a percepção do eu multidimensional que é paz, alegria, amor e criatividade. A consciência inferior dualidade 3D ​​tem condicionado bloqueios desarmônicas em todo o sistema de energia do corpo. O resultado tem sido uma freqüência conflito orientada de matéria que permite a doença, separação e desarmonia. Sob este nível de consciência egoica 3D, o corpo não é capaz de estar em ressonância e levar o maior grau de informação tridimensional do coração e das capacidades da mente superior Divina, ou seja, paz, alegria, amor, união, criatividade intencional, telepatia , regeneração celular harmônica, e teletransporte.

Enquanto encarnado, o coração é o centro da vida para a consciência multidimensional e como a alma experimenta a consciência dentro do corpo. A fim de ancorar na plenitude da consciência do coração, todas as restrições do corpo-mente em todos os chakras devem ser curados e liberados. Na escolha das práticas que ressoam para nós o que pode incluir a oração, meditação, cura energética , introspecção, auto-observação, experimentando sentimentos e emoções, e serviço ao longo dos caminhos das muitas tradições espirituais, metafísicas, esotéricas e científicas, que se abrem para a consciência do eu superior e da unidade divina. Todas estas práticas e caminhos pretendem ser guias para nossa consciência interior intencional na escolha de viver a nossa unidade centrada no coração de amor e criatividade.

É somente a partir dessa consciência e intenção de que as restrições são curados, a consciência coração está ancorado, e as maiores capacidades mentais restaurado. Durante todo o processo, o corpo físico está mudando, a fim de receber e transmitir as frequências harmônicas da mente superior no coração. De dentro deste aspecto da evolução da consciência, vemos a transformação do DNA, a flexibilização do sistema nervoso, a coerência das frequências eletromagnéticas do coração, aumento da atividade cerebral do lobo frontal, e arrastamento da glândula pituitária, hypothalamas, thalamas e pineal glândula . Portanto, todas as mudanças físicas são parte da evolução e ascensão, mas deve ser entendida a partir do nível da alma e do espírito que está a permitir a mudança.

Assim, as frequências e harmonia do corpo físico são fundamentais para a nossa expressão divina de amor e criatividade, enquanto a nossa alma é encarnado. Nosso contexto torna-se fundamental a visão do corpo físico não de uma consciência 3D linear mecânica como a organização de consciência com densidade, mas como o veículo para a expressão da consciência, e até mesmo como a própria consciência de vibração ao longo de um continuum de freqüência. Quando o corpo é entendida a partir da centralidade da consciência da alma e da mente infinita além do físico, então as mudanças físicas para a densidade do corpo e o funcionamento do coração, da mente e do cérebro se encaixam bem em processo de ascensão.

No despertar para a consciência da unidade do coração, as restrições corpo-mente são principalmente liberado pelo trabalho emocional de integrar as defesas falso da sombra e pelo perdão. Tudo isso deve ser feito com a clara intenção de viver uma vida de amor e criatividade. Neste processo, o condicionamento da luta ou resposta trauma vôo e ao uso indevido da mente pensante 3D é alterada. Essas mudanças no sistema nervoso são necessários para abrir o coração, aquietando o barulho desarmônico da mente pensante 3D. Práticas que são úteis aqui são os diversos tipos de meditação , ressonância freqüência harmônica de som da alma e do corpo com 432Hz, e transmissões de energia divina, como a Bênção da Unidade e Meditação Unidade. Eles aquietam a mente inferior e movem a atividade nos lobos frontais, onde as frequências da mente unidade superior são expressos.

Todos estes são passos preparatórios completo de ancoragem a organização da consciência do coração, e a evolução do corpo para uma frequência menor densidade da matéria. Esta será uma alteração ou uma estrutura de carbono refinados ou uma mudança para uma estrutura de silício mais cristalina. Todas essas mudanças envolvem a energia Divina e alma em evolução tanto a informação enviada ao DNA e uma transformação ou ativação do DNA em si.

Isto traz-nos ao papel de determinados sistemas do cérebro físico que transduz   e medita a mente superior no apoio da organização a consciência central do coração. As propriedades ressonantes puramente desses sistemas físicos são necessários para o pleno funcionamento harmônico do terceiro olho e coroa chakras através da pituitária, hipotálamo, tálamo, e a glândula pineal. Um sistema altamente funcionamento nervoso e hormonal é a chave para o ajuste de ressonância para a consciência do coração para expressar todas as suas capacidades no corpo.

O coração pleno desperta apoiado pela mente superior através do cérebro em pleno funcionamento é de vital importância para a nossa comunicação interdimensional, lembrando que somos, a nossa missão, e nossa evolução da alma, enquanto estamos encarnados no corpo na Terra. Que possamos continuar a progredir em nossa compreensão do nosso Ser Divino, como espírito e alma, e do papel do corpo físico em nossa ascensão para uma consciência de quinta dimensão e além.


Peter Borys, Jr., 

Transformação Multidimensional e criatividade espiritual 

Tempos Waking 







quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Entenda as raízes da escravidão



Respire suave e profundamente...


E com plena atenção na respiração, procure se libertar de seus pensamentos e sentimentos...

Vamos entender hoje as raízes da escravidão...
Para ser totalmente livre, a pessoa precisa estar absolutamente consciente, pois nosso cativeiro está enraizado na nossa inconsciência.
O cativeiro não vem de fora. Ninguém pode impedi-lo de ser livre.
Você pode até ser destruído, mas a menos que você deixe, a sua liberdade não pode ser tirada de você.
Perceba que é sempre o seu desejo de não ser livre que tira a sua liberdade.
É o seu desejo de ser dependente, o seu desejo de negar a responsabilidade de ser você mesmo, que faz de você uma pessoa sem liberdade.
No momento em que a pessoa assume a responsabilidade por si mesma...
E lembre-se de que isso não é um mar de rosas, existem espinhos também.
As rosas são contrabalançadas pelos espinhos, os dias pelas noites, os verões pelos invernos...
A vida mantém o equilíbrio entre os opostos.
Assim, uma pessoa que esteja pronta para aceitar a responsabilidade por ela mesma, com todas as belezas, amarguras, alegrias e aflições, pode ser livre.
Só uma pessoa assim pode ser livre.
Então, viva isso com toda a sua agonia e em todo o seu êxtase – ambos são seus. O êxtase não pode vir sem agonia, a vida não pode existir sem a morte e a alegria não pode existir sem a tristeza.
É assim que as coisas são – não se pode fazer nada a respeito. Essa é a própria natureza das coisas.
Então aceite a responsabilidade por ser como é, com tudo o que você tem de bom e com tudo o que tem de ruim, com tudo o que tem de belo e com tudo o que não é belo.
Nessa aceitação, ocorre uma transcendência e você se torna livre.

Oscho









O Desapego

Perceba que todas as nossas misérias e sofrimentos não são nada mais do que apego.
Toda a nossa ignorância e escuridão é uma estranha combinação de mil e um apegos.
Nós estamos apegados a coisas que serão levadas no momento da morte, ou mesmo, antes.

Todas as nossas posições, todos os nossos poderes, nosso dinheiro, nosso prestígio, respeitabilidade são todos efêmeros, passageiros.

Não fique apegado a coisas passageiras; senão, você estará em contínua miséria e agonia.

Compreender que a vida é feita da mesma matéria que os sonhos é a essência do caminho.

Desapegue-se: viva no mundo, mas não seja do mundo.

Lembre-se que ele é um belo sonho, porque tudo está mudando e desaparecendo.
Não se agarre a nada. Agarrar-se é a causa de sermos inconscientes.
Se você começar a se desprender, uma tremenda liberação de energia acontecerá dentro de você.
A energia que estava envolvida no apego às coisas trará um novo amanhecer ao seu ser, uma nova luz, uma nova compreensão, um tremendo descarregar – nenhuma possibilidade para a miséria, a agonia, a angustia.
Ao contrário, quando todas essas coisas desaparecem, você se encontra sereno, calmo e tranqüilo, numa alegria sutil.
Haverá um riso no seu ser.
Se você se tornar desapegado, você será capaz de ver como as pessoas estão apegadas a coisas triviais, e quanto elas estão sofrendo por isso.
E você rirá de si mesmo, porque você também estava no mesmo barco antes.
O desapego é certamente a essência do caminho.



Osho 











quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Acho a maior graça!


Acho a maior graça. Tomate previne isso,cebola previne aquilo, chocolate faz bem, chocolate faz mal, um cálice diário de vinho não tem problema, qualquer gole de álcool é nocivo, tome água em abundância, mas não exagere... 

Diante desta profusão de descobertas, acho mais seguro não mudar de hábitos. 

Sei direitinho o que faz bem e o que faz mal pra minha saúde. 

Prazer faz muito bem. 
Dormir me deixa 0 km. 
Ler um bom livro faz-me sentir novo em folha. 
Viajar me deixa tenso antes de embarcar, mas depois rejuvenesço uns cinco anos. 
Viagens aéreas não me incham as pernas; incham-me o cérebro, volto cheio de idéias. 
Brigar me provoca arritmia cardíaca. 
Ver pessoas tendo acessos de estupidez me 
embrulha o estômago. 
Testemunhar gente jogando lata de cerveja pela janela do carro me faz perder toda a fé no ser humano. 
E telejornais... os médicos deveriam proibir - como doem! 
Caminhar faz bem, dançar faz bem, ficar em silêncio quando uma discussão está pegando fogo, 
faz muito bem! Você exercita o autocontrole e ainda acorda no outro dia sem se sentir arrependido de nada. 
Acordar de manhã arrependido do que disse ou do que fez ontem à noite é prejudicial à saúde! 
E passar o resto do dia sem coragem para pedir  desculpas, pior ainda! 
Não pedir perdão pelas nossas mancadas dá câncer, não há tomate ou mussarela que previna. 
Ir ao cinema, conseguir um lugar central nas fileiras do fundo, não ter ninguém atrapalhando sua visão, nenhum celular tocando e o filme ser espetacular, uau! 
Cinema é melhor pra saúde do que pipoca! 
Conversa é melhor do que piada. 
Exercício é melhor do que cirurgia. 
Humor é melhor do que rancor. 
Amigos são melhores do que gente influente. 
Economia é melhor do que dívida. 
Pergunta é melhor do que dúvida. 
Sonhar é melhor do que nada!

Martha Medeiros











Coisas da Vida - A vida que pediu a Deus


"O mundo é habitado por pessoas frustradas com o próprio trabalho, pessoas que não estão satisfeitas com o relacionamento que construíram, pessoas saudosas de velhos amores, pessoas que gostariam de estar morando em outro lugar, pessoas que se julgam injustiçadas pelo destino, pessoas que não aguentam mais viver com o dinheiro contado, pessoas que gostariam de ter uma vida social mais agitada, pessoas que prefeririam ter um corpo mais em forma, enfim, os exemplos se amontoam. Se formos espirar pelo buraco da fechadura de cada um, descobriremos que estão todos relativamente bem, mas poderiam estar melhor.
(...)É lá no fundo que estão as razões verdadeiras que levam as pessoas a mudar ou a manter as coisas como estão. É lá no fundo que os desejos e as necessidades se confrontam. Em vez de se queixar, ganharíamos mais se nadássemos até lá embaixo para trazer a verdade à tona. E, então, deixar de sofrer.


Martha Medeiros












Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...