terça-feira, 31 de março de 2015

A maior fonte de riqueza se encontra no desprendimento.

Por: Rosalia Schwark
O que significa tornar uma coisa " minha" ?
Meu anel, minha casa, meu namorado, meu dinheiro, minha funcionária, meu carro, meu corpo.... E se algo meu é perdido? E se algo meu se desliga de mim? E se algo meu se deteriora?
Nasce o medo da perda. 
Nasce o sentimento da posse. 

E essas duas coisas, infernizam o bem estar e a saúde mental de qualquer pessoa
Ainda que a afirmação seja aceita, trata-se, no fim das contas, de uma ficção. A maioria somente se dá conta disso ou através de muito trabalho espiritual ou no leito da morte ao constatarem que nada que é exterior, nenhuma coisa, jamais correspondeu a quem eles são. Todo o conceito de propriedade acaba se revelando sem menor sentido.

Se você for capaz de desenvolver um bem estar interno desapegado de coisas externas, você adquire liberdade e poder juntos.
Você não é mais vulnerável. Você não é mais prisioneiro daquilo que não pode controlar. Você neste momento GANHA TUDO porque na verdade não precisa de nada. E ao não precisar, se torna muito atraente.

Quando falo para muitas pessoas, desista da busca, desista do controle, desenvolva dentro de você e com você , um sentimento de paz e de completude. Quero dizer, curta a vida e o que está disponível para você, neste momento.Este estado de bem estar produz a vivência de riquezas externas que chegam continuamente e quando partem é para criar espaço para novas riquezas serem experimentadas.

A maior fonte de riqueza se encontra no desprendimento. Quanto mais você permite o movimento de ir e vir, sem o senso de propriedade, maior o retorno. 
Ter mais é sinônimo de permitir mais. 
Deixe que venha e deixe que vá. E assim a liberdade e o poder se instala.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você atrai o que você é!

Quem nós pensamos que somos está intimamente ligado a como nos consideramos tratados pelos outros. Muitas pessoas se queixam de que n...

Veja mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...